• (21) 3042-6445
  • comunica@koinonia.org.br
  • Rua Santo Amaro, 129 - RJ

Links

INSTITUIÇÕES

Koinonia Presença Ecumênica e Serviço

Fundada em 1994, KOINONIA Presença Ecumênica e Serviço é uma organização sediada no Rio de Janeiro (RJ), com atuação nacional e internacional. Somos uma entidade ecumênica de serviço composta por pessoas de diferentes tradições religiosas, reunidas em associação civil sem fins lucrativos. Integramos o movimento ecumênico e prestamos serviços ao movimento social.A missão de KOINONIA é mobilizar a solidariedade ecumênica e prestar serviços a grupos histórica e culturalmente vulneráveis e em processo de emancipação social e política; além de promover o movimento ecumênico e seus valores libertários. Conheça: www.koinonia.org.br

Centro de Documentação Eloy Ferreira da Silva (CEDEFES)

O CEDEFES é uma Organização Não-Governamental, sem fins lucrativos, filantrópica, de caráter científico, cultural e comunitário, de âmbito estadual, com sede e foro na cidade de Belo Horizonte, Estado de Minas Gerais, Brasil. Seu objetivo é promover a informação e formação cultural e pedagógica, documentar, arquivar, pesquisar e publicar temas do interesse do povo e dos movimentos sociais. Conheça: http://www.cedefes.org.br/

Comissão Pró-Índio de São Paulo (CPI-SP)

Conheça um pouco da trajetória da Comissão Pró-Índio de São Paulo (CPI-SP) desde a sua fundação em 20 de outubro de 1978 até o início dos anos 2000. Dentre as inúmeras realizações, impossível relatar todas aqui, estão as primeiras mobilizações contra a “falsa emancipação dos índios”, em 1978; a presença marcante na Constituinte, entre 1986 e 1988; a luta contra os megaprojetos hidrelétricos e a favor dos atingidos pelas barragens e a proposição de alternativas para a política energética no Brasil; a conquista da primeira titulação de terra de quilombo no Brasil, em 1995, seguida de muitas outras. Conheça: http://www.cpisp.org.br/

Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas (CONAQ)

A noção de resistência é apresentada por essa coordenação nacional quilombola como um processo histórico e contínuo. A resistência é bifocal: se localiza no passado e também no presente como o fator elementar para a sua sobrevivência atual. Conheça: http://conaq.org.br/

Coordenadoria Ecumênica de Serviço (CESE)

Fortalecer organizações da sociedade civil, especialmente as populares, empenhadas nas lutas por transformações políticas, econômicas e sociais que conduzam a estruturas em que prevaleça democracia com justiça. Conheça: http://www.cese.org.br

Fundação Cultural Palmares (FCP)

No dia 22 de agosto de 1988, o Governo Federal fundou a primeira instituição pública voltada para promoção e preservação dos valores culturais, históricos, sociais e econômicos decorrentes da influência negra na formação da sociedade brasileira: a Fundação Cultural Palmares (FCP), entidade vinculada ao Ministério da Cidadania. Ao longo dos anos, a FCP tem trabalhado para promover uma política cultural igualitária e inclusiva, que contribua para a valorização da história e das manifestações culturais e artísticas negras brasileiras como patrimônios nacionais. Conheça: http://www.palmares.gov.br/

Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA)

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) é uma autarquia federal, cuja missão prioritária é executar a reforma agrária e realizar o ordenamento fundiário nacional. Conheça: http://www.incra.gov.br/

Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB)

O Movimento dos Atingidos por Barragens tem uma longa história de resistência, lutas e conquistas. Nasceu na década de 1980, por meio de experiências de organização local e regional, enfrentando ameaças e agressões sofridas na implantação de projetos de hidrelétricas. Mais tarde, se transformou em organização nacional e, hoje, além de fazer a luta pelos direitos dos atingidos, reivindica um Projeto Energético Popular para mudar pela raiz todas as estruturas injustas desta sociedade. Conheça: https://mab.org.br/#

GRUPOS DE PESQUISA

Etnico – Etnicidade e Direitos: índios, quilombos e populações tradicionais

Este blog é um espaço destinado à reflexão sobre políticas de reconhecimento étnico no Brasil e na América Latina, vinculado ao Grupo de pesquisa do CNPq “Territórios e populações tradicionais: políticas de reconhecimento, transformações classificatórias e demografia das populações indígenas e afroamericanas”. Conheça: https://etnico.wordpress.com/

TESES E DISSERTAÇÕES

Biblioteca Digital Brasileira de Teses e Dissertações (BDTD)

O Ibict desenvolveu e coordena a Biblioteca Digital Brasileira de Teses e Dissertações (BDTD), que integra os sistemas de informação de teses e dissertações existentes nas instituições de ensino e pesquisa do Brasil, e também estimula o registro e a publicação de teses e dissertações em meio eletrônico. A BDTD, em parceria com as instituições brasileiras de ensino e pesquisa, possibilita que a comunidade brasileira de C&T publique e difunda suas teses e dissertações produzidas no País e no exterior, dando maior visibilidade à produção científica nacional. Conheça: https://bdtd.ibict.br/vufind/

PROJETOS

Mapeamento dos terreiros de Natal

O projeto mapeamento dos terreiros de Natal tem como objetivo conhecer o universo das religiões afro-brasileiras na cidade de Natal, principalmente àqueles relacionados aos aspectos sócio-culturais e demográficos. Pretende-se construir um banco de dados com a perspectiva de que este resultado possibilite a construção de políticas públicas que beneficiem este segmento religioso, o seu fortalecimento na luta pela liberdade religiosa e a valorização do patrimônio afro-brasileiro. Conheça: https://cchla.ufrn.br/mapeamentodosterreirosdenatal/index.php