A iniciativa Diálogo ecumênico e interreligioso pela Amazônia, coordenada por KOINONIA e CREAS, visa fortalecer iniciativas ecumênicas e interreligiosas pela dignidade humana no Brasil, Bolívia, Colômbia e Peru, promovendo análises compartilhadas e ações conjuntas.

O Programa de Acompanhamento Ecumênico na Palestinas e em Israel (PAEPI – EAPPI) é um programa coordenado pelo Conselho Mundial de Igrejas, fundado em resposta ao chamado dos Chefes das Igrejas de Jerusalém, que leva internacionais para a Cisjordânia. Desde 2002, quase 1.800 voluntários serviram por três meses como Acompanhantes Ecumenicos (EAs).

No Brasil, a organização que envia voluntários para o programa é KOINONIA Presença Ecumênica e Serviço, ao lado das organizações ecumênicas e igrejas que enviam voluntários para o EAPPI por todo o mundo.

Visa a realização de oficinas sobre Sexualidade, Direitos Humanos e Prevenção em diversos espaços da juventude na cidade de São Paulo. Escolas, coletivos, associações de bairro e comunidades religiosas estão entre os espaços que o projeto visa circular. Com oficinas lúdicas e interativas com temas como participação juvenil, direitos humanos e comunicação positiva, o jovem é instigado ao aprendizado e à disseminação de informação.

Seminário virtual com foco na juventude para tratar de questões ligadas às IST, HIV e Hepatites Virais por meio de criação de um ambiente virtual de aprendizagem, utilizando uma plataforma de ensino à distância, EAD. O ConectAids foi idealizado com a proposta de não focar apenas no “use camisinha” e sim abordar todas as questões acima que permeiam o assunto. O Seminário é virtual com alcance em todo Brasil, e desde sua abertura, em novembro, mais de 1.600 jovens se inscreveram para assistir às aulas do seminário.

  • RELIGIOSIDADE CONTRA A CULTURA DO ESTUPRO

Incentiva comunidades de fé e alianças inter-religiosas a enfrentarem a cultura do estupro e o machismo dentro dos espaços de culto. Para isso, são promovidas rodas de conversa lideradas por membros das comunidades e convidados, contando ainda com materiais de apoio, produzidos também no âmbito do projeto, a fim de que as religiosas e religiosos estejam preparadas/os para enfrentar a complexidade da violência e das desigualdades de gênero. O objetivo maior é poder articular diferentes grupos de crença em torno de um problema comum: a cultura do estupro.

  • DIREITOS ETNO-AMBIENTAIS DE COMUNIDADE NEGRAS TRADICIONAIS

Forma agentes de proteção ambiental em três comunidades negras tradicionais: duas remanescentes de quilombo, na região do baixo sul da Bahia, e um terreiro de candomblé, em Salvador. Visa, além de multiplicar conhecimentos, fortalecer a autonomia; auxiliar na construção de uma cultura da paz, diálogo ecumênico, inter-religioso e intercultural, principalmente, a partir do intercâmbio entre as comunidades tendo como mote a preservação ambiental.

“Fortalecendo Laços: Juventude, Sexualidade e Direitos Humanos – Uma ação concreta com populações jovens vulneráveis e HIV/AIDS na cidade de São Paulo” é realizado por KOINONIA em parceria com a Secretária Municipal de Saúde de São Paulo. Assinado pelo termo de convênio Nº026/2015 – SMS – G, o projeto tem por objetivo formar 50 jovens com idade entre 15 e 30 anos, preferencialmente LGBT, frequentadores do centro de São Paulo e transforma-los em agentes de defesa de direitos sexuais e reprodutivos, de epidemias de DST/HIV/AIDS, bem como de hepatites virais.

Apoio ao comércio da produção de mulheres quilombolas de três comunidades do Baixo Sul da Bahia, para fortalecer e ampliar redes femininas e mistas de economia solidária. Investe no reconhecimento da identidade quilombola e das desigualdades de gênero com duplo objetivo: consolidar o sentido dessas redes como meio de redução das desigualdades de gênero, aumentando a presença das mulheres no comércio; e estimular a participação política delas a partir do debate de suas demandas políticas.

Transcidadania

Fruto de Parceria com a prefeitura de São Paulo, a iniciativa visa contribuir para que a população transgênero faça parte da experiência cidadã, oferecendo oportunidades de escolarização, profissionalização, colocação no mercado de trabalho e formação sobre seus direitos.

Atlas Observatório Quilombola

O Atlas Observatório Quilombola é um dos resultados do projeto “Apoio ao fortalecimento político e protagonismo das Comunidades Quilombolas do Rio de Janeiro”, promovido por KOINONIA, com a parceria da Associação das Comunidades Remanescentes de Quilombos do Estado do Rio de Janeiro (Acquilerj) e o apoio da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir).

Espaço interativo, interdisciplinar, dedicado à coleta, organização e análise de informações relativas às comunidades negras rurais e quilombolas, em seus contextos locais e regionais, assim como às políticas pertinentes.

Movimento Paz & Proteção

Ação global do UNICEF para mobilizar organizações seculares e religiosas, unindo a fé e os esforços de todos e todas. O objetivo é unir forças para garantir a sobrevivência, desenvolvimento, proteção e bem-estar de meninas e meninos por meio de ações de prevenção da violência e da promoção do registro civil de nascimento. No Brasil, KOINONIA participa e promove a ação.

Realizada por religiosas e religiosos de diferentes tradições, a campanha tem como objetivo principal enfrentar todas as formas de intolerâncias, promovendo a defesa dos direitos humanos e a redução da discriminação
O projeto tem como objetivos registrar, organizar e tornar pública a memória da participação protestante na luta pela democracia durante o período da Ditadura Civil-Militar, por meio da disponibilização de um Acervo Digital Multimídia.

Rede Religiosa de Proteção à Mulher Vítima de Violência

Forma lideranças religiosas em relações de gênero, promovendo incidência nas políticas públicas; bem como transformar as comunidades religiosas em espaços de apoio, acolhimento e prevenção da violência contra a mulher.

A iniciativa forma jovens, preferencialmente LGBT, em direitos humanos, sexuais e reprodutivos, e prevenção em HIV/Aids.
  • AIDS E IGREJAS
    Atua junto a lideranças religiosas de diferentes tradições, promovendo a formação sobre prevenção de HIV/Aids.
  • Axé com arte

O projeto constrói com jovens e outros integrantes de terreiros de Salvador – BA, condições para o desenvolvimento da produção artístico-cultural local, de forma a ampliar o acesso destes sujeitos a outros direitos, oportunidades de trabalho e geração de renda.

  • MULHER QUILOMBOLA PROTAGONISTA E CONSTRUÇÃO DE CAPACIDADES FINANCEIRAS (QUILOMBOLA WOMEN PROTAGONISTS AND FINANCIAL CAPACITY BUILDING)

Criação conjunta de metodologias de gestão financeira e de pequenos projetos, com mulheres de 10 diferentes comunidades quilombolas da região do Baixo Sul da Bahia. Paralelamente, a iniciativa oferece formação sobre direitos da mulher e apoia a articulação de um grupo para incidência política local sobre a temática.

Atua no fortalecimento institucional de comunidades quilombolas para que estas desenvolvam ações de controle social, que, ao mesmo tempo, reforcem seu protagonismo nos processos decisórios e suas identidades étnico-raciais, culturais e políticas.

  • ASSESSORIA JURÍDICA

No sentido de assegurar os Direitos Humanos, Sociais, Culturais e Ambientais (Dhesca) das comunidades tradicionais, o programa Egbé tem uma linha de assessoria jurídica, que atua diretamente em casos de regularização fundiária e titulação, intolerância religiosa e racismo, ou descumprimento da lei em prejuízo dos direitos dos povos e comunidades negras tradicionais.

  • FORMAÇÃO

Formação em direitos civis, políticos, econômicos, sociais, culturais, ambientais e territoriais para as comunidades, em especial para seus jovens e mulheres

  • PORTAL ECUMÊNICO

Alimentado e por instituições do movimento ecumênico – entre elas KOINONIA – o portal trata de diferentes temas e acontecimentos, a partir da perspectiva do ecumenismo.  Abordando a realidade latino-americana e caribenha, o portal difunde informações e funciona também como ferramenta instituições de pesquisa, organizações ecumênicas, centros de informação e documentação, bibliotecas, membros de igrejas, estudantes e comunidades de base religiosa.

  • DROGAS E VIOLÊNCIA NO CAMPO

Conjuga produção de conhecimento e incidência sobre a política de drogas do Estado brasileiro, com o objetivo de ultrapassar o paradigma proibicionista. A iniciativa se concentra em pesquisas e difusão de informações e conhecimentos sobre o tema, sobretudo, entre as comunidades rurais diretamente impactadas.

  • FORMAÇÃO DE AGENTES CULTURAIS
    Investe no potencial dos jovens para movimentar a produção cultural nas cidades de Paulo Afonso, Delmiro Gouveia e Salvador, todas na Bahia. Seu objetivo é, por meio das iniciativas criadas pelos próprios jovens, contribuir para a superação do racismo ambiental e da intolerância religiosa.
  • AÇÕES DE INCIDÊNCIA PÚBLICA

KOINONIA atua nacional e internacionalmente, articulando-se com outras instituições e movimentos, a fim de produzir mudanças políticas e sociais que se traduzam na garantia e expansão dos direitos de grupos histórica e culturalmente vulneráveis