REMANESCENTE | Projeto comunitário para prevenir a discriminação e a violência contra religiões negras e africanas nos anos 2022 e 2023

O Terreiro Hunkpame Savalu Vodun Zo XweO Vodun zo xwe, pertencente a cultura Jeje Savalu culto dos Vodun provenientes da região do antigo Reino do Dahomé chamada, Savalou ou Savalu e atualmente faz parte da República do Benin. Tombado pela Prefeitura Municipal de Salvador em 2016 por preservar os ritos originais e os dialetos falados pelos povos Ewe-Fòn nas expressões e cânticos da comunidade, parceiro de Koinonia há mais de 10 anos em suas comemorações ao novembro negro promove o projeto Remanescente.

PROJETO REMANESCENTE
Um projeto comunitário para prevenir a discriminação e a violência contra religiões negras e africanas que será desenvolvido nos anos de 2022 a 2023, a proposta visa a realização de uma séria de oito lives com o objetivo de escutar religiosos e sociedade civil sobre o tema. Tendo como principais eixos identificar os diferentes tipos de problemas enfrentados pelo terreiro Vodun Zo.

OBJETIVOS
Identificar os motivos de existir a discriminação e qual foi o impacto dela em suas vidas, além de propor saídas e a partir daí pensar soluções de médio e curto prazo. Sendo o mesmo idealizado por Mrs Lis Santos, Dangbesi do Hunpkame Savalu Vodun Zo Kwe, Historiadora (UNYLEYA), Socióloga (UFBA), Psicopedagoga (Dom Bosco) e Mestre em Ciências Sociais (UFBA).

O KOINONIA segue na luta pelo fortalecimento das ações promovidas para amplificar as vozes dos grupos vulnerabilizados e pelos Direitos das Comunidades Negras Tradicionais em busca da superação do racismo, em breve estaremos divulgando a agenda.

Comments are closed.